São Bernardo - Graciliano Ramos

São Bernardo  - Graciliano Ramos

GRACILIANO RAMOS

Resumo e análise da obra da segunda fase do Modernismo (1930 - 1945)

Contexto Histórico

  • 1929: "Crack" da Bolsa de Nova York. Entre outras consequências, a queda assustadora do preço do café.
  • 1930: Getúlio Vargas lidera uma revolução, no Rio Grande do Sul, contra o governo de Washington Luís. Paraíba e Minas Gerais aderem ao movimento. O presidente é deposto. Assume o poder uma junta militar, dissolve-se o Congresso Nacional.
  • 1931: Queima de estoques para garantir o preço do café.
  • 1932: Revolução Constitucionalista em São Paulo.
  • 1933: Realização de eleições para a Constituinte.
  • 1934: Promulgação da nova Constituição brasileira. Eleição de Getúlio para Presidente da República (pela Constituinte).
  • 1935: Agitações políticas e sociais, severamente reprimidas pelo governo.
  • 1936: Prisão de alguns membros do Partido Comunista, entre os quais Luís Carlos Prestes e Graciliano Ramos.
  • 1937: Implantação do Estado Novo.
  • 1938: Tentativa de golpe militar no Rio de Janeiro. Criação da UNE (União Nacional de Estudantes).
  • 1939: Início da Segunda Guerra. Aumenta no Brasil a censura aos meios de comunicação.
  • 1942: O Brasil declara guerra à Alemanha e à Itália.
  • 1943 e 44: Articulações pelo retorno à democracia.
  • 1945: Deposição de Getúlio Vargas pelas Forças Armadas.