Vegetação - As formações vegetais

A VEGETAÇÃO

Campo e deserto

Chamamos de vegetação o conjunto de plantas e vegetais existentes nas diversas regiões do planeta. Ela é sempre a expressão das condições de solo e de clima onde ocorre. De fato, a variedade das espécies, a quantidade de plantas e seu tamanho e sua distribuição dependem do terreno, das condições climáticas e da umidade. Em solos ricos em humo, portanto altamente orgânicos, a vegetação é densa e rica; nos solos mais pobres, as formações vegetais são poucas e rarefeitas. Existe uma relação de troca entre o solo e a vegetação: o solo rico em materiais orgânicos gera uma vegetação luxuriante, que fornece mais humo para o terreno. Ora, o solo com mais humo fica mais rico e desenvolve uma vegetação que irá fornecer mais humo. Portanto trata-se de um permanente ciclo interativo. Já um solo pobre é base de uma vegetação pobre. Daí o perigo do desmatamento, que danifica os terrenos. Todo esse processo prova a interdependência dos elementos do ecossistema.

O CLIMA E A VEGETAÇÃO

A luminosidade solar, a temperatura, os ventos, as chuvas e a umidade definem a vida vegetal de uma determinada região. Pode-se dizer que a vegetação é o espelho do clima. A luminosidade faz com que os vegetais realizem a fotossíntese, isto é, o processo de produção de oxigênio e de consumo de gás carbônico. Conforme a temperatura, os vegetais variam em número e distribuição de espécies. Em áreas quentes, a vegetação é mais rica e mais cerrada; nas regiões frias, ela é pobre em número de espécies e mais aberta. Também os ventos influenciam a vegetação, pois ventos fortes impedem o desenvolvimento de plantas mais débeis; ventos moderados ou fracos ajudam a vegetação pois transportam os grãos de pólen de um lugar para outro, o que ajuda a reprodução dos vegetais. Por fim, a água talvez seja o elemento mais essencial para o desenvolvimento da vida vegetal, pois a umidade determina o tipo de vegetação. Conforme a umidade, os vegetais podem ser:

xerófilas: plantas adaptadas à falta de umidade

higrófilas ou higrófitas: plantas que necessitam de muita umidade, ricas em folhagem e sempre perenes

tropófilas ou tropófitas: plantas que vivem em estações secas e úmidas

aciculifoliadas: plantas que possuem folhas na forma de agulhas, como, por exemplo, os pinheiros, nas quais a transpiração é menor e maior a preservação de água  

latifoliadas: plantas de folhas largas e existentes em regiões muito úmidas

caducifólias: plantas que perdem suas folhas nos períodos frios e secos do ano. 

AS FORMAÇÕES VEGETAIS

Existem, ao redor do planeta Terra, inúmeras formações vegetais, determinadas pela diversidade climática. Algumas são densas, como as florestas tropicais que são ricas em biodiversidade; outras são mais abertas e com menor número de espécies vegetais: as florestas temperadas. Há paisagens vegetais herbáceas - as pradarias e os campos -, outras mistas, como as savanas das áreas tropicais e ainda outras adaptadas a climas frios ou áridos. Todas são fundamentais para a manutenção dos diversos ecossistemas de nosso planeta.

Sumário

- O Clima e a Vegetação
- As Formações Vegetais
i. As mais importantes formações vegetais do mundo são:
Assine login Questões a responder image Questões dissertativas image Questões para o Enem image