Movimento Uniforme - Equação Horária

Movimento Uniforme - Equação Horária

Consideremos uma partícula em movimento. Diremos que esse movimento é uniforme se a velocidade escalar for constante.

Equação Horária

Vamos fixar a nossa atenção sobre uma partícula em movimento uniforme, com velocidade escalar v. Suponhamos que no instante t = 0 seu espaço seja so e num instante posterior t qualquer seu espaço seja s.

A velocidade escalar média nesse trecho é dada por:

Mas, como a velocidade escalar é constante, seu valor médio em qualquer intervalo de tempo coincide com seu valor instantâneo:

Desta última igualdade obtemos:

Esta última equação é conhecida por equação horária do espaço para o movimento uniforme.

Gráficos

A equação horária do espaço de um M.U. é s = so + vt, isto é, é uma equação do primeiro grau em s e t. Portanto, o gráfico de s em função de t (s x t) é retilíneo.

Como a velocidade escalar é constante, o gráfico da velocidade em função do tempo é uma reta paralela ao eixo dos tempos:

Em um M.U. a aceleração escalar é nula; portanto o gráfico da aceleração em função do tempo é: