Teorias da Evolução

Numa determinada região, uma população mais ou menos homogênea - evolui no decorrer do tempo - mudando gradativamente suas frequências gênicas. De fato, os fatores que pressionam a população se modificam com o tempo: o meio ambiente muda e a seleção natural ajusta a nova população às novas situações, por escolha dos genótipos mais adaptados.

Em situações como essa, a população muda como um todo, em bloco, de forma homogênea, já que a troca de genes ocorre livremente entre seus componentes. É muito possível que, desta forma, algumas espécies tenham evoluído uniformemente, modificando-se até se transformarem em espécies novas.

Adaptação significa, para os biólogos, a capacidade que todo ser vivo tem de se ajustar ao ambiente, isto é, de mudar em resposta a uma alteração ambiental. A adaptação está intimamente ligada à vida. Dar respostas adaptativas a mudanças ambientais é importante para a sobrevivência.

Como exemplo de adaptação individual, verifiquemos o que ocorre quando uma pessoa toma sol. Após alguns dias de exposição à luz solar, a pele fica mais escura, em virtude do aumento na síntese do pigmento melanina. O fator ambiental representado pela radiação ultravioleta põe em ação um mecanismo adicional de síntese de pigmento, processo comandado pelos genes.

Grande parte dos genes é capaz de modificar sua expressão em função das condições ambientais. Geralmente o genótipo comanda não um único fenótipo, mas uma faixa de possibilidades fenotípicas que se manifestam de acordo com a influência ambiental.

Teoria de Lamarck

Jean Baptiste Lamarck (1744-1829), naturalista francês, foi o primeiro cientista a propor uma teoria sistemática da evolução. Sua teoria foi publicada em 1809, em um livro denominado Filosofia zoológica.

Para Lamarck, a influência do meio ambiente teria um efeito indireto nos organismos. Assim, o mecanismo que explicaria as transformações que ocorrem entre seres de uma mesma espécie basear-se-ia em dois aspectos principais:

1. Uso e desuso dos órgãos

O meio ambiente criaria no organismo uma série de necessidades que, para serem satisfeitas, exigiriam uma função contínua de certos órgãos, o que acarretaria uma hipertrofia dos mesmos, ocorrendo uma atrofia no caso inverso, isto é, no caso de desuso de um órgão.

Obs.: Adaptação individual é válida para o organismo, não para a espécie.

2. Transmissão hereditária dos caracteres adquiridos

Se o uso contínuo de um órgão se desse por várias gerações, a hipertrofia do órgão tornar-se-ia hereditária.

Da mesma forma, se o desuso se desse por várias gerações, a hipertrofia do órgão tenderia a desaparecer.

Em outros termos, diríamos que Lamarck e seus seguidores acreditavam que o organismo, para adaptar-se, adquiria uma série de novas características que se tornariam hereditárias.

Assim, o lamarquismo explicaria por que a girafa tem pescoço comprido ( como seu alimento fica na copa das árvores, teria aumentado o comprimento do pescoço e das pernas pelo esforço constante de esticá-los, através de muitas gerações ) ou porque as cobras não têm membros ( perderam pelo desuso, porque os membros atrapalhariam a locomoção em túneis estreitos ).

O lamarquismo não é aceito pela biologia contemporânea! Essas ideias apresentam um erro básico, que é: as características adquiridas não são hereditárias.

Ainda no século XIX, August Weismann foi um dos primeiros a atacar experimentalmente o problema dos caracteres adquiridos. Tendo cortado, por várias gerações, os rabos dos camundongos que usava como reprodutores, mostrou que nem por isso os descendentes nasciam sem rabo, e nem sequer passavam a ter rabos menores. Foi ainda Weismann quem estabeleceu a fundamental distinção entre células germinativas e células somáticas, que esclarece por que os caracteres de origem ambiental não conseguem se tornar hereditários.

  • Aulas relacionadas

Sumário

- Teoria de Lamarck
- Teoria de Darwin
i. Seleção Natural
- Mutação
- Seleção e adaptação
i. Melanismo industrial
ii. Resistência a antibióticos
iii. Resistências aos inseticidas
iv. Anemia falciforme
- Seleção da Imitação
- Seleção artificial
Assine login Questões de Revisão image Questões dissertativas image Questões para o Enem image