Duração da prova: 5 horas.

REDAÇÃO

Com base na leitura dos textos motivadores e em suas reflexões sobre o tema, escreva uma dissertação argumentativa em norma-padrão da língua portuguesa apresentando seu ponto de vista sobre “Ciência e tecnologia: os efeitos do uso da internet na mente humana”.

Limite: 20 a 25 linhas (não ultrapasse o final da 25ª linha).

Para atender à proposta, seu texto deverá apresentar:
- título;
- ponto de vista bem definido;
- argumentos que sustentem seu ponto de vista.

Sua redação será anulada se você:
- reproduzir a coletânea;
- fugir ao recorte temático;
- não escrever uma dissertação argumentativa;
- ultrapassar o número de linhas estabelecido (entre 20 e 25);
- apresentar letra ilegível.

TEXTO 1

AS VANTAGENS NEURAIS DA BOA LEITURA

Comparar o ato de ler com uma espécie de “exercício físico” para o cérebro, como ocorre na musculação sobre a massa corporal, está longe de ser adequado – e com as últimas descobertas da neurociência, essa analogia serve apenas para dar uma ideia distante do seu efeito real. Percorrer o olhar sobre palavras ordenadas com um sentido faz muito mais: ajuda o cérebro a absorver conceitos da realidade e a dominá-la. Quanto maior o vocabulário, a fluência na leitura e sua complexidade, maior a capacidade de compreender a si mesmo, interagir socialmente e ser bem-sucedido no mercado de trabalho. Se uma pessoa não sabe “nominar” algo, em geral, não assimila com clareza.
O processo de entender o mundo começa na infância. A rede neural tem sua idade de ouro nos primeiros anos, quando é maior a neuroplasticidade (a capacidade de reter conhecimentos). Quando uma criança começa a ler, entre 5 e 8 anos, o cérebro fica mais eficiente e, para eliminar sobras e aumentar a sua agilidade, ocorre a chamada poda neural, a perda de bilhões de neurônios até os 10 anos, algo natural para o organismo. Esse recuo é tão grande que até a espessura do córtex cerebral diminui.
O maior efeito disso incide sobre o aprendizado, principalmente em relação à linguagem. Se a rede neural não é estimulada, falta essa poda “qualificada” e a criança sofre os efeitos do desuso – e aqui a comparação com músculos e excesso de massa gorda pode ajudar.
Da infância à vida adulta, para que esse processo não regrida, é necessário colocar o cérebro em contato com os conteúdos cada vez mais complexos. Se a pessoa se contenta com linguagem simples – frases curtas da televisão e das redes sociais, vocabulário pobre e sintaxe pouco elaborada –, o desenvolvimento cerebral se estabiliza e a pessoa se torna incapaz de compreender ideias com consequências significativas para si mesmo e para a sociedade. O esforço para ler e entender textos mais complexos, por outro lado, aumenta a qualidade da chamada “fala interior”, o discurso interior feito por quem é capaz de escrever frases coerentes. Ao mesmo tempo, exercita a memória, necessária para falar, escrever e entender.

(DRECHSEL, Denise. As vantagens neurais da leitura. Curitiba, Gazeta do Povo, Vida e Cidadania, p. 9, 23, 24 jul. 2016).

TEXTO 2

Valdemar W. Setzer, professor e palestrante, por meio de uma resenha, analisa o livro “A geração superficial: o que a internet está fazendo com os nossos cérebros?” de Nicholas Carr, e cita fragmentos referentes ao posicionamento do autor do livro:
"O que não estamos fazendo quando estamos on-line também tem consequências neurológicas. Assim como neurônios que disparam juntos conectam-se juntos, neurônios que não disparam juntos não se conectam juntos. Como o tempo que gastamos vasculhando web pages encolhe o tempo que passamos lendo livros, como o tempo que gastamos trocando mensagens de texto medidas em bites encolhe o tempo que passamos compondo sentenças e parágrafos, como o tempo que gastamos pulando entre links encolhe o tempo que dedicamos à contemplação na quietude, os circuitos que dão suporte a essas antigas funções intelectuais enfraquecem e começam a se romper [p. 167.]”. “O influxo de mensagens competindo entre si, que recebemos sempre que estamos on-line, não apenas sobrecarrega a nossa memória de trabalho; torna muito mais difícil para os lobos frontais concentrarem nossa atenção em apenas uma coisa. O processo de consolidação de memória sequer pode ser iniciado. E, mais uma vez, graças à plasticidade de nossas vias neurais, quanto mais usamos a web, mais treinamos nosso cérebro para ser distraído – para processar a informação muito rapidamente e muito eficientemente, mas sem atenção continuada [p. 264-5]”.
"Não importa o quão revolucionária seja, a net é melhor compreendida como a última de uma longa série de ferramentas que auxiliaram a moldar a mente humana. Agora surge a questão crucial: o que a ciência nos diz sobre os reais efeitos que o uso da internet está tendo no modo como nossas mentes funcionam? Sem dúvida, essa questão será objeto de uma grande quantidade de estudos nos próximos anos. No entanto, já sabemos ou podemos supor muitas coisas. As notícias são ainda mais perturbadoras do que eu havia suspeitado. Dúzias de estudos de psicólogos, neurobiólogos, educadores e web designers indicam a mesma conclusão: quando estamos on-line, entramos em um ambiente que promove a leitura descuidada, o pensamento apressado e distraído e o aprendizado superficial [cap. 7]”.

(Disponível em: www.ime.usp.br/vwsetzer. Acesso em: 05/08/2016).

TEXTO 3

PUCPR 2017 - Vestibular de Verão

Matérias: Selecione as matérias que você deseja fazer na prova.

Biologia
Física
Filosofia
Geografia
História
Matemática
Português
Química
Resumos de Obras Literárias

Língua estrangeira:-

Espanhol
Inglês

INFORMAÇÕES GERAIS SOBRE A PROVA

FÓRMULAS

Tabela Periódica

REDAÇÃO

O sistema de provas do Educabras:

  • Identifica os assuntos que você mais precisa estudar!

  • Permite que você pause a prova e retorne a ela mais tarde

  • Cronometra a prova

  • Armazena as provas para você avaliar seu progresso.

Otimize seu desempenho no Vestibular !

  • Programa de estudos direcionado para o Vestibular .

  • Sistema inteligente que revela os assuntos mais testados pelo Vestibular

  • Aulas, resumos, simulados e provas anteriores do Vestibular

  • Você pode incluir o Enem ou 2 outros Vestibulares em seu Programa.

Assine o Educabrasimage

O Educabras prepara você para o Vestibular e o Enem. Entre na faculdade de sua escolha e siga a carreira de seus sonhos!
Conteúdo e recursos para otimizar seu tempo de estudo e maximizar sua nota no Vestibular e no Enem.

Mais informaçõesimage
image

Agilize e facilite seu trabalho!
- Conteúdo didático para elaborar aulas e usar em classe.
- Banco de dados com milhares de questões por matéria.
- Elabore provas em alguns minutos! Opção de imprimir ou baixar provas e salvá-las em seu cadastro para usá-las no futuro.

Mais informaçõesimage
image

ESTUDO PERSONALIZADO

Programa de Estudo Personalizado com foco nos vestibulares que você prestará:
- Otimize o tempo de estudo: concentre-se nos assuntos relevantes para os vestibulares de sua escolha.
- Opção de incluir o Enem em seu Programa de Estudo Personalizado.
- Conteúdo e Ferramentas: Aulas, resumos, simulados e provas de Vestibulares e do Enem.
* Confira se os vestibulares de sua escolha fazem parte do Programa de Estudo Personalizado

Mais informaçõesimage

Colégios

O Educabras ajuda o colégio a melhorar o desempenho acadêmico dos alunos no Enem e no Vestibular e aumentar o índice de aprovação nas mais conceituadas faculdades do Brasil.
Pacotes de assinaturas: contrate assinaturas a um valor menor para seus professores e alunos.

Mais informaçõesimage