Fenômenos Físicos e Químicos

Fenômeno é qualquer mudança (transformação) que acontece num sistema. Para descrever e identificar um fenômeno, temos que observar o início e o final do processo, para fazer comparações e concluir o tipo de fenômeno ocorrido.

Fenômenos Físicos

É chamado fenômeno físico qualquer mudança da matéria que não altere a estrutura da substância, ou seja, a fórmula permanece a mesma.

Exemplos

Houve uma alteração entre os estados físicos, mas não houve alteração na estrutura (fórmula) da substância, portanto conserva sua identidade, ou seja, suas propriedades.

H2O(s)

H2O(l)

H2O(v)

P.F. = 0°C

P.F. = 0°C

P.F. = 0°C

P.E. = 100°C

P.E. = 100°C 

P.E. = 100°C

Quando utilizamos um processo de separação dos componentes de uma mistura, estamos observando fenômenos físicos.

Vamos recordar

Mistura de água e areia (filtração)

Mistura de H2O  +  gasolina (decantação)

Mistura homogênea de H2O  +  sal  (destilação)

Neste caso o sal estava dissolvido na água (H2O + NaCl)

Depois da separação, o H2O está num recipiente e o NaCl no outro.

Observe que em todos os casos, apenas separamos as substâncias que anteriormente estavam juntas, não alternando suas estruturas (fórmulas), portanto fenômenos físicos.

Fenômenos Químicos

É chamado fenômeno químico, qualquer transformação da matéria que altere sua estrutura, ou seja, forma novas substâncias, portanto, outras fórmulas.

Exemplos

Perceba que houve uma mudança (fenômeno), e como houve alteração nas fórmulas, alteramos a estrutura da matéria (fenômeno químico).

É importante lembrar que cada substância (fórmula) tem suas propriedades, como vemos no exemplo, e poderíamos citar outras, como:

Hidrogênio (H2) principal propriedade combustível.

Oxigênio (O2) comburente (alimenta a queima) essencial para a nossa respiração.

A reação entre os dois produz água (H2O) que não é combustível, e não é comburente.

FENÔMENO QUÍMICO = REAÇÃO QUÍMICA

Como já vimos, representamos uma reação química (fenômeno químico) através de uma equação.

A seta indica as substâncias A  +  B (reagentes) se transformando em C +  D (produtos).

Cuidado: podemos representar com a mesma notação, um fenômeno físico.

Água sólida (gelo) se transformando em água líquida.

Para diferenciar fenômenos físicos e químicos com esta notação é simples. Se a fórmula for a mesma no início e no final temos um fenômeno físico. Mas se as fórmulas do início são diferentes do estado final, temos um fenômeno químico.

Exemplos

Combustão ( queima ) do álcool.

Evaporação do álcool.

Esta notação (equação) é a maneira de representar o que aconteceu com a matéria, de forma simples e universal, ou seja, em todos os lugares do mundo a notação é a mesma, o que facilita muito a troca de informações, independente da língua falada e escrita.

Exemplos

Em português - água  representação = H2O

Em inglês - water  representação = H2O

Em português - ferro  representação = Fe

Em inglês - iron representação = Fe

Portanto teoricamente, a partir dessa notação é bem simples identificar se ocorreu ou não uma reação química (fenômeno químico). Mas, e na prática, pela observação a olho nu, o que devemos perceber, que indica a ocorrência de uma reação química?

Sumário

- Fenômenos Físicos
- Fenômenos Químicos
Assine login Questões para o Enem image