Adjetivos são palavras que caracterizam substantivos, indicando qualidades e estados. Adjetivos variam em gênero, número e grau.

GÊNERO DOS ADJETIVOS

A formação dos gêneros (masculino e feminino) dos adjetivos é semelhante à dos substantivos.

Uniforme: apresenta uma única forma para o gênero masculino e o gênero feminino.

Exemplos:

homem inteligente - mulher inteligente
menino feliz - menina feliz

Biforme: apresenta duas formas - uma para o masculino, outra para o feminino.

Exemplos:

menino fofo - menina fofa
homem lindo - mulher linda

NÚMERO DOS ADJETIVOS

O número dos adjetivos também se forma segundo o plural dos substantivos.

Exemplos:

mulher alta - mulheres altas
criança feliz - crianças felizes

1. O plural dos adjetivos simples se faz com o acréscimo de s ao singular.

Exemplos:

bonito - bonitos
alta - altas

2. Se o adjetivo no singular termina em r, s ou z, acrescenta-se es:

Exemplos:

Posterior - posteriores
Cortês - corteses
Veloz - velozes

3. Os adjetivos que terminam em il tônico no singular se tornam plurais com a troca de il por is. Os adjetivos que terminam em il átono se tornam plurais com a troca de il por eis.

Exemplos:

Gentil - gentis
(tônico)

Difícil - difíceis
(átono)

4. Se o adjetivo no singular terminar em al, el, ol, ou ul, troca-se o l por is, no plural:

Exemplos:

total - totais
cruel - cruéis
espanhol - espanhóis

NOTA: Quando o adjetivo exprimir uma COR originada de um substantivo, permanece invariável em gênero e número

Exemplos:

blusa rosa - blusas rosa
colete vinho - coletes vinho

FLEXÃO DOS ADJETIVOS COMPOSTOS

Os adjetivos compostos flexionam normalmente o último elemento do composto, concordando com o substantivo a que se referem.

Exemplos:

Clínicas médico-cirúrgicas;
Projetos médico-cirúrgicos.

REGRA GERAL:  os adjetivos compostos só variam no segundo elemento, tanto em gênero como em número.

Exemplo:

obra luso-brasileira / obras luso-brasileiras

COR + SUBSTANTIVO:

Quando se refere a cores, sendo formado de palavra que indica cor + substantivo, fica invariável.

Exemplos:

blusa amarelo-ouro / blusas amarelo-ouro
camisa verde-garrafa / camisas verde-garrafa 

COR + ADJETIVO:

Entretanto, caso se forme com adjetivo, este faz a concordância

Exemplos:

vestidos amarelo-claros
blusas amarelo-claras.

Nota: Azul-marinho e azul-celeste são formas invariáveis. Exemplo: camisa azul-marinho - camisas azul-marinho

EXCEÇÕES: No adjetivo composto surdo-mudo, ambos os elementos são flexionados.

Exemplos:

surdo-mudo / surda-muda
surdos-mudos / surdas-mudas 

Concordância de adjetivo com mais de um substantivo

Quando o adjetivo caracteriza mais de um substantivo, a flexão depende de sua posição em relação aos substantivos.

1. Adjetivo depois dos substantivos

Há duas possibilidades: o adjetivo concorda apenas com o último substantivo ou vai para o plural, concordando com o conjunto de substantivos.

Exemplos:

Exemplo 1: Ele comprou relógio, calça e gravata nova. (concorda apenas com gravata).
Exemplo 2: Ele comprou relógio, calça e gravata novos. (concorda com o conjunto).

Note que no Exemplo 2, o adjetivo foi para o masculino. O motivo disso é que entre os substantivos do conjunto há um masculino.

2. Adjetivo antes dos substantivos

A concordância é feita apenas com o primeiro substantivo.

Exemplos:

Ele leu antigos livros e revistas.
Ele leu antigas revistas e livros.

GRAU DOS ADJETIVOS

O grau designa a intensidade maior ou menor com que uma qualidade é atribuída ao substantivo. A mudança de grau do adjetivo pode ocorrer por dois processos:

a) sintético: a alteração de grau é feita por sufixos.

Exemplo:

Esta pintura é belíssima.

b) analítico: a alteração de grau é feita pelo acréscimo de alguma palavra que modifique o adjetivo.

Exemplo:

Esta pintura é muito bela.

O adjetivo apresenta-se no grau comparativo e superlativo.

GRAU COMPARATIVO:

Estabelece confronto, comparação entre dois elementos. Pode ser de:

a) Igualdade

A qualidade aparece com a mesma intensidade nos elementos que são comparados.

tão + adjetivo + como (quanto)

Exemplo:

Este carro é tão caro como aquele.

b) Inferioridade

A qualidade expressa pelo adjetivo é menos intensificada no primeiro elemento da comparação.

menos + adjetivo + (do) que

Exemplo:

Este carro é menos caro do que aquele.

c) Superioridade

A qualidade expressa pelo adjetivo aparece mais intensificada no primeiro elemento da comparação.

mais + adjetivo + (do) que 

Exemplo:

Este carro é mais caro do que aquele.

Geralmente, o grau comparativo é formado pelo processo analítico. Entretanto, alguns adjetivos formam o comparativo de superioridade pelo processo sintético.

Exemplo:

Bom - melhor
Mau - pior
Grande - maior
Pequeno - menor

 

GRAU SUPERLATIVO:

Intensifica a qualidade atribuída ao substantivo. A qualidade do substantivo é intensificada sem fazer comparação explícita com outros seres.

Superlativo Absoluto:

Quando a qualidade é intensificada sem fazer comparação explícita com outros seres.

i) Superlativo Absoluto Analítico: formado por duas palavras

Advérbio de Intensidade + Adjetivo

Exemplo:

Este canário é muito belo.

ii) Superlativo Absoluto Sintético: formado por uma só palavra

sufixos -ílimo, -íssimo, -érrimo

Exemplos:

Este cenário é belíssimo.
Esse problema é facílimo 

Alguns adjetivos possuem também uma forma irregular para o superlativo absoluto sintético.

Exemplos:

bom (forma regular: boníssimo) - ótimo
mau (forma regular: malíssimo) - péssimo
grande (forma regular: grandíssimo) - máximo
pequeno (forma regular: pequeníssimo) - mínimo

O superlativo absoluto sintético pode ser regular ou irregular. Os regulares são os mais fáceis de fazer: basta acrescentar o sufixo íssimo. A formação do irregular é mais difícil, pois muitas vezes, ocorre mudança no radical e não terminam com íssimo.

Abaixo você encontra uma lista de superlativos absolutos sintéticos irregulares:

Ágil

Agílimo

Agradável

Agradabilíssimo

Amargo

Amaríssimo

Amável

Amabilíssimo

Audaz

Audacíssimo

Benévolo

Benevolentíssimo

Capaz

Capacíssimo

Difícil

Dificílimo

Doce

Dulcíssimo

Eficaz

Eficacíssimo

Fácil

Facílimo

Feliz

Felicíssimo

Fiel

Fidelíssimo

Humilde

Humílimo

Íntegro

Integérrimo

Livre

Libérrimo

Pobre

Paupérrimo

Preguiçoso

Pigérrimo

Recente

Nupérrimo

Sábio

Sapientíssimo

Sensível

Sensibilíssimo

Simpático

Simpaticíssimo

Simples

Simplicíssimo

Tenaz

Tenacíssimo

Velho

Vetérrimo

Voraz

Voracíssimo

b) Superlativo Relativo:

A qualidade é intensificada em um dos elementos do grupo, destacando-o.

i) Superlativo Relativo de Superioridade: construído com o mais (a mais)

Exemplo:

Esta moça é a mais linda da classe!

b) Superlativo Relativo de Inferioridade: construído com o menos (a menos)

Exemplo:

Aquele garoto é o menos inteligente da classe

  • Aulas relacionadas

Sumário

- Gênero dos Adjetivos
- Número dos Adjetivos
- Flexão dos Adjetivos Compostos
- Grau dos Adjetivos
- Adjetivos Pátrios
- Locução Adjetiva
- Orações Adjetivas
Assine login Questões de Revisão image Questões dissertativas image