Dança

A dança é o ato de mover o corpo em ritmo, geralmente acompanhado de música.

Dança Moderna

Dança Moderna

A dança é tanto uma forma de arte como de recreação e exercício. A dança como arte pode contar uma história, criar um ambiente ou expressar uma emoção. Como forma de recreação, a dança é uma fonte de entretenimento, socialização e relaxamento.

A dança traduz imagens, ideias e sentimentos em sequências de movimentos que sejam significantes, tanto pessoal como socialmente. Algumas pessoas acreditam que a dança é a expressão da alma por meio da movimentação.

A dança é, inegavelmente, um importante componente cultural de praticamente toda sociedade. Estudar sobre a dança de um povo significa conhecer algo a respeito de sua cultura. A dança, por ser a manifestação e a representação da cultura rítmica, envolve a expressão corporal própria de um povo. Ao mesmo tempo, a dança às vezes revela as condições cotidianas de um grupo social.

Dança e Saúde

A dança pode ser algo muito positivo para as pessoas.

A dança é uma fonte de exercícios cardiovasculares e ajuda a desenvolver tônus muscular, graça, equilíbrio e flexibilidade. Quase todas as pessoas, inclusive jovens e crianças, lidam com estresse. A dança é uma forma de aliviar o estresse e a ansiedade. Além disso, uma criança que pratica a dança desde cedo provavelmente desenvolverá amor pelas artes e paixão por ritmo e movimento.

A dança permite que as pessoas descubram, explorem e desenvolvam suas habilidades motoras e flexibilidade e também sua personalidade.

Um dançarino profissional busca a perfeição física. A prática e a técnica levam a uma melhor execução do movimento. Contudo, dançar por muitas horas pode causar lesões se o dançarino não cuidar de seu corpo adequadamente.

Diferentes tipos de Dança

Os diferentes tipos de dança enfatizam diferentes movimentos e técnicas.

O ballet consiste em um conjunto de posições básicas e passos. O ballet é a espinha dorsal de muitos outros estilos de dança. Isto é, muitos gêneros de dança baseiam-se no ballet. O ballet se baseia em técnicas desenvolvidas ao longo dos séculos e emprega tanto a música como a dança para contar histórias.

Ballet
Ballet

A dança moderna foi criada como reação às regras demasiadamente rígidas do ballet clássico. A dança moderna enfatiza o movimento em vez de posições estáticas e incentiva a criatividade, tanto na coreografia como na apresentação.

O jazz mescla a força e a flexibilidade do ballet com os movimentos não tradicionais da dança moderna. Muitos dançarinos de jazz mesclam diferentes estilos em suas danças e incorporam sua própria expressão. A dança jazz frequentemente emprega movimentos corporais ousados e dramáticos.

A dança tap é uma forma de dança em que os dançarinos usam sapatos especiais, equipados com finas placas de metal. Os dançarinos tap utilizam seus pés como se fossem tambores para criar sequências e batidas rítmicas.

Outros tipos de dança, como o samba, utilizam o corpo de formas diferentes.

Dança de Salão

As danças de salão surgiram entre a nobreza europeia. Esse tipo de dança é realizado com casais, geralmente em ambientes fechados. A valsa e o foxtrote são exemplos de danças de salão. Quando os europeus colonizaram as Américas, introduziram essas danças nas colônias. Foram nesses países que surgiram os tipos mais comuns de dança de salão, como swing, gafieira, tango, salsa, bolero e chachachá.

Cultura Pop

A dança se tornou um elemento importante da cultura pop. Vídeo-clips, o canal de televisão MTV e outros shows enfatizam tanto a música como a dança. Estrelas teen-pop e outros artistas pop não apenas cantam, mas também dançam. Estrelas como Michael Jackson, Madonna e Lady Gaga se tornaram famosas por serem não apenas ótimos cantores, mas também grandes dançarinos. O Michael Jackson incentivou muito a dança, principalmente por meio de seu mais famoso vídeo-clip – Thriller.

A cultura pop fez com crianças e jovens passassem a apreciar a dança.

Dança no Brasil – Dança Folclórica e Popular

No Brasil, as danças folclóricas foram influenciadas pelas tradições das regiões, dos povos africanos e europeus e revelam a diversidade cultural brasileira. A dança é de importância fundamental para a cultura brasileira: revela influências históricas, religiosas e ideológicas, no país e no povo. As danças folclóricas estão ligadas aos aspectos religiosos, às festas, às lendas, aos jogos, à história e aos acontecimentos do cotidiano. 

As danças folclóricas refletem valores, crenças e costumes de uma região ou do país como um todo.

Uma das principais características das danças folclóricas do Brasil são as músicas simples e animadas, os personagens chamativos e os figurinos.

Festas Nacionais

Duas das mais importantes manifestações do folclore nacional são o carnaval e as festas juninas.

O carnaval é uma festa popular que surgiu na Antiguidade com o objetivo de celebrar os deuses pagãos e a natureza. O carnaval foi reconhecido pela igreja e passou a fazer parte do calendário cristão. Ainda hoje é comemorado em vários países: possui características diferentes em cada país onde é festejado. O carnaval é a última festa antes da quaresma.

No Brasil, o Carnaval é a festa do samba. Há carnavais distintos em diferentes cidades e regiões do país. No Rio de Janeiro e em São Paulo, há os desfiles de escolas de samba com seus sambas-enredo, fantasias, carros alegóricos, passistas e coreografias. A apresentação relata uma história ou transmite um tema, que é ilustrado pela arte das fantasias e da dança. No Nordeste, as pessoas costumam passar o carnaval nas ruas. Na Bahia, há os famosos trios elétricos.

O samba, elemento fundamental do carnaval, chegou ao Brasil junto com a população negra. Inicialmente, era dançado apenas pelos escravos, nas senzalas. Os primeiros estados brasileiros a difundirem o samba foram o Rio de Janeiro, a Bahia e o Maranhão. A dança caracterizava-se pelos sons de percussão e por batidas com os pés. Já o samba de roda surgiu na África e foi trazido para o Brasil pelos escravos. O samba de roda é praticado em círculos e as pessoas têm a liberdade de movimentos. Esse tipo de samba surgiu na Bahia, no século XIX. É um estilo musical caracterizado por elementos da cultura afro-brasileira. É uma variante mais tradicional do samba. Os dançarinos dançam em uma roda ao som de músicas acompanhadas por palmas e cantos. Os instrumentos mais utilizados são: chocalho, pandeiro, viola, atabaque e berimbau.

A festa junina é um evento comum no Brasil que ocorre durante o mês de junho. Essa festa é caracterizada por uma dança famosa – a quadrilha. A quadrilha era incialmente uma dança aristocrática, oriunda dos salões francesas, que se difundiu por toda a Europa. As quadrilhas das festas juninas associam festejos religiosos a celebrações de origens pagãs envolvendo as colheitas e a fogueira. Há um animador que anuncia frases e marca os momentos da dança. As pessoas dançam em casais e fazem uma coreografia especial e muito animada. A dança evolui em duplas ao som do forró e pode alternar entre fandangos, catiras e valsas. Os dançarinos se vestem com roupas típicas da cultura caipira com chapéus de palha, vestidos de chita e camisa xadrez.

As músicas de festa junina mais famosas são: Capelinha de Melão, Pula Fogueira e Cai, Cai balão.

Sumário

- Dança e Saúde
- Diferentes tipos de Dança
- Pop-Culture
- Dança no Brasil – Dança Folclórica e Popular
i. Festas Nacionais
ii. Festas Regionais
- Outras danças brasileiras
Assine login Questões a responder image Questões para o Enem image