Guerra Fria - Estados Unidos e União Soviética

OS REFLEXOS DA GUERRA SOBRE OS ESTADOS UNIDOS

Os EUA saíram da II Guerra Mundial como potência hegemônica no mundo capitalista e estenderam seu comércio para quase todas as nações, ocupando o 1º lugar na produção mundial.

A II Guerra motivou modificações nos EUA:

  • mobilização da indústria para fins bélicos.
  • crescimento da produção em 25%, devido ao fornecimento de material bélico.
  • melhoras também na agricultura: melhores sementes, fertilizantes e mecanização.

Novas mudanças com o final da guerra:

preocupação do governo norte-americano em não reeditar a Crise de 1929:

  • preparam-se para enfrentar os problemas com a desmobilização dos exércitos e risco de desemprego e necessidade de criar-se novos empregos.
  • necessidade de fazer a volta da indústria normal: problemas da reconversão da indústria e da concorrência do trabalho feminino.
  • a crise temida não acontece e continua a procura de bens de consumo e crescimento de mercado, mantendo-se a elevação dos preços (devido principalmente ao Plano Marshall).
  • o governo intervém na economia com a fiscalização da circulação monetária, dos impostos e do crédito (beneficiando pelo fisco os setores desejados).
  • o governo passa a ser visto como o fiador da segurança e do bem-estar de todos.
  • padronização do pensamento pela manipulação das vias de comunicação de massa; acreditava-se na existência de uma sociedade aberta e flexível, dotada de infinitas possibilidades.
  • Devido ao crescimento do poder do movimento operário e sindical, criou-se a Lei Taft-Harthey (1947).

O CRESCIMENTO DO SOCIALISMO E A GUERRA FRIA

Surgimento da URSS como potência após a II Guerra

  • Saiu fortalecida da luta contra o nazi-fascismo (apesar de seu território ter sido atingido com a guerra, recuperou-se com relativa rapidez).
  • Suas fronteiras militares atingem o centro da Europa, Polônia, Romênia, Hungria e parte da Alemanha (ocupadas pelo Exército Soviético).
  • Na Iugoslávia e na Albânia, os guerrilheiros socialistas expulsaram os nazistas e tomaram o poder.
  • O Exército Vermelho ocupava parte do Irã e o norte da Coreia.
  • Na China, o Partido Comunista crescia em poder e influência (luta entre Mao Tsé Tung e Chiang Kai-Chek).
  • O Início da desconfiança ainda no transcorrer da guerra.
  • A Conferência de Yalta (F. D. Roosevelt, Stalin e Churchill) determinou o reconhecimento das áreas de influência soviética (os "russos" deveriam manter eleições livres, mas poderiam manter "áreas de segurança") - Stalin passou depois a estimular a tomada do poder pelos Partidos Comunistas de sua área.

A Conferência de Potsdam (1945):

  • líderes Atlee (Grã-Bretanha), Truman e Stalin.
  • apesar do impasse, chegou-se a um acordo: Alemanha e Berlim divididas em 4 zonas; Coreia dividida entre os EUA (sul) e a URSS (norte); os EUA não abriram mão do Japão (ocupação do general MacArthur).

O início da disputa dos 2 blocos:

  • muitos países do leste adotam constituição de modelo soviético.
  • crescimento dos Partidos Comunistas Italianos e Franceses.
  • os EUA tentam impedir o crescimento socialista com a ameaça de monopólio nuclear (bombas sobre o Japão).
  • a URSS tende a aumentar seu "cinturão de segurança" - aumento da ajuda aos guerrilheiros do norte do Irã e na Grécia.
  • O rompimento total - Doutrina TRUMAN (março de 1947)
  • Henry Truman - Acredito que a política dos EUA deva ser de apoio aos povos livres que estão resistindo às tentativas por minorias armadas ou por pressões externas.
  • Guerra Fria - uma guerra ideológica e de expansão de suas áreas de influência, representando dois sistemas socioeconômicos distintos: o socialismo e o capitalismo.
  • Preocupação também com os mercados perdidos pelos EUA com a formação de repúblicas socialistas no leste europeu, na República Popular da China (1949) e nas novas áreas de descolonização afro-asiática (simpatizantes dos socialistas) - necessidade de intervenção nessas áreas.

Cada um com objetivos diferentes

Objetivos dos Estados Unidos:

  • a provisão de matérias-primas essenciais, assegurando o controle das fontes produtoras.
  • o afluxo de suas mercadorias para o mercado mundial.
  • mercados para o investimento de seus capitais excedentes.

Objetivos da União Soviética:

  • consolidar a expandir o seu poderio.
  • construção do bloco soviético.
  • ampliar o bloco socialista para as zonas periféricas do mundo capitalista (3º mundo).
  • Os blocos e seus aliados
  • Os governos europeus ocidentais temiam uma invasão soviética, então unindo-se e comprometendo-se com os Estados Unidos - criaram a OTAN (Organização do Tratado do Atlântico Norte) sob a proteção do guarda-chuva nuclear norte-americano.
  • A Guerra da Coreia (1950/52) - envolveu os EUA e a Coreia do Sul, contra a China Popular e a Coreia do Norte (com apoio da URSS) - a frustração levou os grupos conservadores americanos a proverem uma melhor integração dos exércitos da OTAN e o desenvolvimento da indústria armamentista - criação de outros pactos militares no sudeste asiático.
  • Pacto de Varsóvia (1955) - aliança militar defensiva e ofensiva do bloco socialista. No plano econômico, criam o COMECON (intercâmbio econômico entre os países comunistas do leste europeu).

A diminuição das tensões

  • No final dos anos 50, as duas superpotências desenvolveram muito seu arsenal nuclear - perigo da destruição total (que poderia ocorrer pela disputa pelas regiões essenciais).
  • O perigo de destruição levou à procura da diminuição das tensões; com a morte de Stalin (1953), surgem lideranças e tendências na URSS, que passam a pregar a não necessidade de violência para atingir-se o socialismo, ou seja, "a coexistência pacífica".
  • A tendência de distensão foi ameaçada no governo de John F. Kennedy (incidente da Baía dos Porcos e os mísseis soviéticos em Cuba), mas que se resolveu pelo recuo de Nikita Kruschev.
  • A maior aproximação deu-se nos primeiros anos da década de 70, quando Henry Kissinger (secretário de Estado norte-americano) deu início à "détente", discutindo-se pacificamente sobre os conflitos (nos governos de Richard Nixon e de Leonid Brejnev)

Sumário

- Os reflexos da guerra sobre os Estados Unidos
- O crescimento do socialismo e a Guerra Fria
- Os governos americanos do pós-guerra
Assine login Questões a responder image Questões dissertativas image Questões para o Enem image